Dicas para pagar os impostos do seu carro dentro do prazo. O que acontece se atrasar?

0 Comments

O que acontece quando não cumprimos com nossas obrigações fiscais? O certo é que pagar impostos de fora termo tem as suas consequências. Como é lógico, a Agência Tributária aplica-se sobretaxas por fazer efetivo o pagamento de seus tributos, uma vez passado o tempo regulamentar. A tradução é que você não paga a tempo, darás sempre algo a mais.

A Secretaria da Fazenda estabelece uma série de períodos em que a liquidação dos impostos, ou seja, as datas em que apresentar a declaração de rendimentos, fazer a declaração trimestral de IPVA, o Imposto de Sociedades, o Imposto sobre o Patrimônio e, em geral, qualquer tipo de tributo.

Até mesmo os tributos geridos pelos municípios, como pode ser o Imposto sobre Bens e Imóveis, o imposto de matrícula e a taxa de lixo têm período delimitado para o seu pagamento.Como é lógico, Finanças permite o pagamento de impostos de fora do termo, mas também o é que há consequências para aqueles que pagam os impostos fora do prazo. Em particular, a Agência Tributária estabelece sanções e encargos para estes casos.


Como regra geral, estabelece uma série de percentagens sobre o dinheiro devido, que serão acrescidos, a título de sobretaxa. Além disso, quando se leva muito em pagar haverá que somar os chamados juros de mora que geralmente vem marcado pelo interesse legal do dinheiro. No caso da Agência Tributária, é o Boletim Oficial do Estado (BOE) o encarregado de publicar este dado, que em 2015 é de 4,375% contra 3,5% do interesse legal do dinheiro.Em 2016, o primeiro será do 3,75% por 3% do juro legal.


Apresentar a declaração fora do prazo

Para aqueles que se decidam a apresentar a declaração fora de prazo, devem saber que as sanções variam em função do resultado da declaração e se são eles ou Fazenda que está consciente do erro.

No caso de a declaração de irs para não entregar a tempo, e representa uma infração leve que implica multas de entre 100 e 400 milhões de euros, quando o resultado é a devolver. E é que Fazenda olha a obrigação ou não de prestar depoimento, não que o resultado lhe seja favorável. Neste sentido, há que se ter cuidado ao deixar passar o IRPF pelo simples fato de que o resultado é a devolver.

0 comentários: